quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Salada de Beterraba (Rote beete Salat) do chef Heiko Grabolle

As saladas alemãs geralmente têm um toque cremoso, proveniente do iogurte ou da maionese, como esta receita agridoce à base de beterraba. Ela é boa para começar uma refeição e e outra ideia é servi-la no estilo canapé, sobre o pão preto.

Serve 4 porções
Ingredientes
1/2 quilo de beterraba
1/4 xícara de chá de açúcar cristal
1/4 xícara de chá de vinagre de framboesa
Suco de 1/2 limão siciliano
200 gramas de maionese
1/4 maço de salsa fresca picada
Sal e pimenta-do-reino fresca a gosto

Modo de preparo
Cozinhe bem as beterrabas com o açúcar e o vinagre.
Descasque-as, corte-as em cubo e reserve. Numa tigela, misture o suco de limão com a maionese e a salsa. Tempere com sal e pimenta e junte as beterrabas.

Joelho de Porco Cozido (Eisbein Gekocht) do chef Heiko Grabolle

Muita gente pensa que só os alemães são capazes de preparar um joelho de porco à moda, mas não há segredo algum. É só colocar a carne para cozinhar na panela com os temperos corretos e estará pronto em uma hora e meia. Se quiser uma refeição ainda mais interessante, basta fritar o joelho em óleo abundante na sequência, e terá a versão à pururuca dessa delícia tão típica. 

Serve 2 porções
Ingredientes
1 joelho de porco limpo
2 cebolas cortadas em cubos
1 cenoura cortada em cubos
1 talo de alho-poró cortado em cubos
5 dentes de alho
1 sachê de louro, bagas de zimbro, grãos de pimenta e sementes de mostarda
Sal e pimenta-do-reino fresca a gosto
600 mililitro (ml) de óleo para fritar (caso deseje preparar à pururuca)

Modo de preparo
Coloque o joelho de porco em uma panela grande com todos os ingredientes e cubra com água. 
Ferva por cerca de 1 hora e meia. Quando o joelho de porco estiver cozido, retire-o e coloque-o numa travessa para servir. 

Se quiser prepará-lo à pururuca, depois do cozimento, basta fritá-lo por imersão, em óleo bem quente, numa panela grande, até ficar crocante em toda a volta.

Frango Cozido em Vinho Riesling (Poularde im weisswein) do chef Heiko Grabolle

O frango cozido em vinho branco à moda alemã é alternativa de sabor mais delicado ao tradicional Coq au Vin francês, feito com vinho tinto. Seu preparo é bem simples - basicamente, um ensopado que leva apenas uma hora para ficar pronto.

Serve 4 porções
Ingredientes
1 frango cortado em oito pedaços, com ossos e sem pele
Sal e pimenta-do-reino fresca a gosto
2 cebolas cortadas em cubos grandes
150 grama de bacon defumado cortado em cubos de 2 cm
1 cenoura cortada em cubos grandes
1 talo de salsão cortado em cubos grandes
3 dentes de alho
1 colher de sopa de farinha de trigo
1 colher de chá de extrato de tomate
1/4 xícara de chá de conhaque
1/2 litro de vinho Riesling
1/2 litro de caldo de frango

Modo de preparo
Tempere os pedaços de frango e passe na farinha de trigo. Frite em um pouco de óleo em fogo baixo até ficarem crocantes. Tire e reserve. 

Na mesma panela, aproveitando a gordura, refogue o bacon e a cebola. Tire e reserve. Continue fritando a cenoura e o salsão e, em seguida, acrescente o alho. Adicione a farinha de trigo e misture bem. 

Acrescente o extrato de tomate e flambe com conhaque.
Apague as chamas do flambado com o vinho Riesling. 
Adicione os pedaços de frango, cubra com o caldo de frango e ferva em fogo lento por 1 hora. Verifique o sabor, 
Para finalizar o prato, junte o bacon e a cebola.

Purê de Maçã (Apfelmus) do chef Heiko Grabolle

O purê de maçã é uma espécie de curinga na culinária alemã. Vai bem com carne de porco, com as panquecas de batata e também faz bonito, claro, na hora da sobremesa. Experimente com sorvete de creme.

Serve 4 porções
Ingredientes
1/2 xícara de chá de água
2 1/2 colheres de sopa de açúcar
5 maçãs Fuji, descascadas e cortadas em cubos
2 colheres de sopa de suco de laranja
1 colher de sopa de suco de limão siciliano
1 pedaço pequeno de canela em pau

Modo de preparo
Ferva a água com o açúcar. 
Acrescente os ingredientes restantes e ferva em fogo baixo até as maçãs se desmancharem.
Se necessário, acrescente mais água. 
Tire a canela e deixe esfriar por pelo menos 1 hora.
Passe no processador até obter um purê liso. 
Sirva frio.

Panqueca de batata (Reibekuchen) do chef Heiko Grabolle

A panqueca de batata alemã é outro preparo rápido, delicioso e bom para qualquer hora, como entrada de uma refeição, guarnição para carnes ou simplesmente como petisco para a hora do papo, na companhia de uma cervejinha. Ninguém resiste! O chef Heiko Grabolle sugere servi-las com purê de maçãs.

Serve 4 porções
Ingredientes
3 batatas inglesas finamente raladas
1 cebola finamente ralada
1 ovo
1/2 xícara de chá de farinha de trigo temperada
Sal e pimenta-do-reino fresca a gosto
1 pitada de noz-moscada
1 1/2 colher de sopa de óleo de canola, para fritar

Modo de preparo
Misture a cebola, a batata e o ovo até obter uma massa uniforme. Acrescente aos poucos a farinha de trigo misturada com sal, pimenta e noz-moscada. 

Numa frigideira média, coloque um pouco de óleo, despeje a massa com o auxílio de uma concha e deixe fritar em fogo baixo dos dois lados. Faça as panquecas uma a uma com toda a mistura e reserve. Retire e coloque em cima de papel-toalha. Sirva em seguida, de preferência ainda quente.

Cuca de Queijo (Käsekuchen) do chef Heiko Grabolle

Os bolos tipo cuca são clássicos em qualquer casa de descendentes alemães no Brasil. Este, preparado com queijo quark (que pode ser substituído por ricota cremosa), é fácil de fazer e de gostar

Rende 8 porções
Ingredientes
Massa
3/4 xícara de chá de açúcar
2 ovos
1/2 xícara  de chá de manteiga
2 pitadas de fermento químico
1 2/3 xícara de chá de farinha de trigo peneirada
Recheio
2 ovos
1 xícara de chá de açúcar
1/2 litro de leite
1/2 quilo de queijo tipo quark ou ricota cremosa
3 colheres de sopa de óleo
4 gotas de essência de baunilha
1 colher de sopa de suco de limão siciliano
1 colher de sopa de amido de milho

Preparo
Massa
Misture o açúcar, os ovos, a manteiga na batedeira, acrescente o fermento químico e a farinha de trigo. Unte uma forma com manteiga e farinha de trigo. Unte as mãos com óleo e distribua a massa por todo o fundo e as laterais da forma.

Recheio
Misture os ovos e o açúcar na batedeira, acrescente o leite aos poucos. Adicione os outros ingredientes até obter uma massa homogênea.

Montagem
Distribua o recheio sobre a massa ainda crua e deixe descansar por 30 minutos. Asse no forno a 160ºC por cerca de 1 hora. Deixe descansar por, no mínimo, duas horas antes de servir.

Carne Assada Agridoce do chef Heiko Grabolle

Ingredientes
1 quilo de lagarto bovino
1 1/4 xícara de chá de vinho tinto demi-sec
1 xícara de chá de vinagre de vinho tinto
3 1/2 xícaras de chá de água
1 sachê de louro, bagas de zimbro, grãos de pimenta e sementes de mostarda
Sal e pimenta-do-reino fresca a gosto
1 colher de sopa de manteiga
1/4 xícara de chá de óleo de canola
2 cebolas cortadas em cubos grandes
1 cenoura cortada em cubos grandes
10 talos de salsa fresca
1 colher de sopa de farinha de trigo
2 maçãs cortadas em cubos pequenos
100 grama de uvas-passas escuras

Modo de preparo
Coloque a carne numa tigela grande com o vinho, o vinagre e o sachê por cima da carne. Leve à geladeira para marinar por cerca de 24 horas, virando eventualmente. 

Na hora do preparo, retire a carne do caldo e seque com papel toalha. Tempere com sal e pimenta em toda a volta. Retire o sachê do caldo e reserve o caldo. 

Em uma panela, frite a carne em toda a volta na manteiga e com o óleo. Quando estiver dourada, acrescente a cebola, a cenoura e a salsa. Refogue por cerca de 10 minutos. Polvilhe a farinha por cima e adicione aos poucos todo o caldo da marinada. Tampe a panela e asse a 150ºC por cerca de 2 horas. Se necessário, acrescente mais água para não secar. Verifique se a carne está macia, retire e coe o molho para outra panela. 

Verifique o sabor do molho, acrescente a maçã picada e as uvas-passas e ferva por alguns minutos até obter uma consistência de molho. Se necessário, engrosse com amido de milho. Fatie a carne e sirva quente, banhada no molho.